Melhores Livros de J.R.R. Tolkien

Os livros de J.R.R. Tolkien são, sem dúvidas, uns dos mais importantes da literatura internacional atualmente.

Hoje em dia, dificilmente alguém não conhece os seus principais títulos, como “O Hobbit” e “Senhor dos Anéis”.

Além de serem grandes nomes da literatura, essas obras ganharam adaptações que se tornaram líderes de bilheteria no cinema.

Por isso, pode-se afirmar realmente que John Ronald Reuel Tolkien é um dos maiores ícones da literatura moderna.

Inclusive ele é também um dos escritores mais venerados e premiados no mundo inteiro e, conseguiu também influenciar a música e o cinema com as suas obras escritas.

Então, se você não conhece os melhores livros de J.R.R. Tolkien, o “pai da moderna literatura fantástica”, continue esta leitura para saber mais.

Melhores Livros de J.R.R. Tolkien de 2021

O Senhor dos Anéis: Volume únicoO Senhor dos Anéis: Volume únicoO livro mais famoso de J.R.R. Tolkien67% OFFR$ 55,00 na Amazon
O HobbitO HobbitUm dos livros mais importantes de J.R.R. Tolkien13% OFFR$ 48,00 na Amazon
Beren e LúthienBeren e LúthienUma história sobre elfos que encanta seus leitores37% OFFR$ 37,50 na Amazon
A queda de GondolinA Queda de GondolinUma aventura élfica, uma cidade secreta e um inimigo sombrio45% OFFR$ 32,89 na Amazon
Os filhos de HúrinOs Filhos de HúrinA maior tragédia já escrita por J.R.R. Tolkien38% OFFR$ 36,89 na Amazon
O SilmarillionO SilmarillionA história da Terra Média desde o início44% OFFR$ 39,20 na Amazon
Árvore e folhaÁrvore e FolhaUm livro diferenciado escrito por J.R.R. Tolkien36% OFFR$ 31,80 na Amazon
BeowulfBeowulfTradução de um poema épico, que ganha vida nas mãos de Tolkien40% OFFR$ 39,10 na Amazon
A história de KullervoA História de KullervoConto mais sombrio e trágico de J.R.R. Tolkien39% OFFR$ 27,56 na Amazon
As Aventuras de Tom BombadilAs Aventuras de Tom BombadilUm livro indispensável para fãs de Senhor dos AnéisCompre na Amazon

1. O Senhor dos Anéis: Volume único

O livro mais famoso de J.R.R. Tolkien

O Senhor dos Anéis: Volume único

  • Capa comum: 1.211 páginas
  • Editora: Martins Fontes; Completa edição (1 janeiro 2001)

Essa edição é composta por três volumes: A Sociedade do Anel, As Duas Torres e O Retorno do Rei. Juntos eles compõem um dos melhores livros de J.R.R. Tolkien e sua obra mais importante.

Nesse livro o leitor se depara com diversas questões e é levado a fazer uma grande viagem pela sua própria imaginação.

Ao longo dessa leitura é possível rir, chorar e também se intimidar com as criaturas monstruosas e diabólicas que são apresentadas.

Além disso, a cada página você vai se encontrar em diferentes cenários e conhecerá cada vez mais personagens diversos e fantásticos.

Apesar de ser uma narrativa fantástica, ela conta com uma quantidade tão grande de detalhes que faz você acreditar que tudo seja real.

Tolkien conseguiu criar uma narrativa fantástica à qual o leitor se prende e não consegue largar até a última página.

2. O Hobbit

Um dos livros mais importantes de J.R.R. Tolkien

O Hobbit

  • Capa comum: 328 páginas
  • Editora: Martins Fontes; 7ª edição (1 janeiro 2013)

“O Hobbit” é um dos livros de J.R.R. Tolkien de maior influência na modernidade e, fez sucesso desde a sua publicação em 1937. Milhões de exemplares foram vendidos e, assim ele conseguiu entrar para a história.

Nessa obra o leitor vai desbravar uma enorme aventura ao lado de Bilbo Bolseiro, um Hobbit que vive de forma simples e pacata.

No entanto, a calmaria está prestes a terminar quando o poderoso mago Gandalf chega acompanhado de outros pequeninos e o levam para uma grande expedição.

O objetivo do grupo é conseguir pegar o tesouro que está em poder do perigoso dragão, Smaug, o Magnífico. Mesmo relutante, Bilbo aceita participar da aventura e acaba se dando muito bem.

Mesmo mais de 80 anos após o seu lançamento, esse livro ainda é muito aclamado e conquista fãs e leitores de todas as idades ao redor de todo o mundo. Não à toa esse é considerado um dos melhores livros de literatura infanto juvenil do mundo.

3. Beren e Lúthien

Uma história sobre elfos que encanta seus leitores

Beren e Lúthien

  • Capa dura: 368 páginas
  • Editora: HarperCollins; 1ª edição (6 novembro 2018)

Essa história é citada em “O Senhor dos Anéis” e narra o amor entre Berren, um homem comum e Lúthien, uma princesa élfica.

Apesar do sentimento dos dois, o pai da moça, um grande senhor élfico, não aprova o relacionamento e exige que Beren cumpra com uma tarefa impossível para que possa ficar com a sua filha.

Para que possa continuar com a sua amada, Beren tem que pegar uma Silmaril (jóia brilhante) de um dos seres mais malignos de todos os tempos: Morgoth, o inimigo sombrio.

Originalmente essa história foi escrita por J.R.R. Tolkien nos anos de 1916 e 1917, mas ao longo dos anos ela foi modificada diversas vezes.

Nessa edição específica Christopher Tolkien, filho do autor, conseguiu juntar várias versões, em forma de versos e prosas musicais.

Uma peculiaridade desse livro é que a jornada dos dois é acompanhada de belas ilustrações do artista Alan Lee.

4. A queda de Gondolin

Uma aventura élfica, uma cidade secreta e um inimigo sombrio

A queda de Gondolin

  • Capa dura: 288 páginas
  • Editora: HarperCollins; 1ª edição (3 setembro 2018)

Os melhores livros de J.R.R. Tolkien narram aventuras que misturam diversos seres fantásticos, principalmente elfos. “A Queda de Gondolin” é mais uma entre elas.

Nesse livro o leitor tem contato com a aventura de Tuor, um homem que já foi nobre, mas que agora só pode pensar em fugir da escravidão e ir atrás de uma cidade secreta e mítica, a qual ele nem tem certeza se realmente existe.

Essa cidade, chamada Gondolin, é o último local do mundo que ainda é seguro para os elfos. Pois somente ali Morgoth, o Sombrio Inimigo do Mundo, ainda não conseguiu chegar.

Então, com a esperança de que o lugar realmente exista, Tuor deixa a sua terra e sua vida de servidão e passa a seguir os caminhos que se abrem diante dele.

5. Os filhos de Húrin

A maior tragédia já escrita por J.R.R. Tolkien

Os filhos de Húrin

  • Capa dura: 288 páginas
  • Editora: HarperCollins; 1ª edição (17 fevereiro 2020)

Húrin é o guerreiro mais poderoso e orgulhoso de todos os tempos que já viveu na Terra-média.

Um dia Morgoth, o Primeiro Senhor Sombrio, o captura e o submete a torturas realmente malignas. Apesar, disso ele ousa zombar desse líder maligno.

Como forma de castigá-lo pela sua forma de se comportar, uma maldição recai sobre a sua família. A esposa de Húrin, Morwen, estava grávida e mandou o seu filho primogênito ao Reino de Doriath.

Lá o menino é criado pelo rei como se fosse seu próprio filho e, assim, ele cresce e se transforma em um grande guerreiro. Ele se torna um justiceiro e impõe medo aos servos de Morgoth.

Então o Senhor Sombrio escolhe Glaurung, o Pai dos Dragões para fazer mal e destruir a família de Húrin.

Parece realmente que o temperamento de Húrin vai custar bem caro a ele. A forma como essa história se desenrola faz com que o título seja considerado a maior tragédia já escrita por J.R.R. Tolkien.

6. O Silmarillion

A história da Terra Média desde o início

O Silmarillion

  • Capa dura: 496 páginas
  • Editora: HarperCollins; 1ª edição (19 março 2019)

“O Silmarillion” retrata o início da história do mundo que foi criado por J.R.R. Tolkien. Essa é parte mais antiga da história, que de certa forma complementa os dois livros mais famosos do autor: “O Senhor dos Anéis” e “O Hobbit”.

Os contos narrados aqui acontecem em uma época antiga, em que Morgoth, o Primeiro Senhor Sombrio, habitava a Terra-Média.

Havia ainda os Altos-Elfos, que lutavam contra o mal e tentavam recuperar Silmarils, as jóias que guardam a verdadeira luz de Valinor.

Logo no início da narrativa o leitor se depara com o “Ainulindalë”, o mito da criação do Universo. Logo depois vem o “Valaquenta”, onde o leitor se depara com a apresentação dos poderes de cada um dos deuses.

No “Quenta Silmarillion” os dias começam a ser realmente contados em Arda e, a história dos Elfos que vivem na Terra Abençoada do Oeste começa a ser narrada de verdade. Toda a história deles vai sendo descrita aqui, até que a Primeira Era chegue ao fim.

O “Akallabêth”, por sua vez, mostra o ápice e também a queda do reino da ilha de Númenor, que acontece no final da Segunda Era.

Por fim, em “Dos Anéis de Poder” o leitor pode conhecer o que acontece no final da Terceira Era. E aqui a história se cruza com “O Senhor dos Anéis”.

7. Árvore e folha

Um livro diferenciado escrito por J.R.R. Tolkien

Árvore e folha

  • Capa dura: 176 páginas
  • Editora: HarperCollins; 1ª edição (13 abril 2020)

A Terra Média deu vida aos melhores livros de J.R.R. Tolkien, mas o autor produziu muito mais do que apenas isso.

Em “Árvore e Folha” o leitor pode ter uma clara ideia de o quando a imaginação do autor era realmente fértil e, o quanto ele era genial.

Aqui o leitor se depara com uma narrativa diferente, que vai provocar e instigar a imaginação. Essa é a compilação de quatro trabalhos que mostram o quanto o autor conseguiu se diversificar.

São apresentados: uma palestra, um conto, um poema mítico e um poema de cunho histórico e reflexivo. Esses são unidos de maneira magistral.

O livro começa com o ensaio “Sobre Estórias de Fadas“, que surgiu a partir de uma palestra ministrada pelo autor em 1938.

Nele é apresentado o Reino Perigoso das Fadas (Elfos) e suas principais características e, o quanto ele é importante para os adultos.

O conto “Folha de Cisco”, por sua vez, traz o autorretrato do autor e a forma como ele buscava pela perfeição em cada um dos seus trabalhos.

Esse livro é perfeito para quem quer descobrir uma outra nuance desse autor tão talentoso e brilhante.

8. Beowulf

Tradução de um poema épico, que ganha vida nas mãos de Tolkien

Beowulf: Uma tradução comentada - incluindo o conto sellic spell

  • Capa comum: 544 páginas
  • Editora: Martins Fontes; 1ª edição (16 novembro 2015)

Beowulf é a tradução de um poema épico anglo-saxão que data de 700 a 750 d.C. Nas mãos de J.R.R. Tolkien, a obra foi concluída em 1926 e mais tarde considerada um dos trabalhos mais peculiares do autor.

Ele próprio fez mais algumas alterações nos anos posteriores, mas elas não foram publicadas por ele.

Essa edição em particular é dupla porque conta também com comentários do próprio autor a respeito de conferências feitas em Oxford nos anos 1930 e, que foram transcritas.

Por meio da análise das próprias conferências, os leitores têm contato com um J.R.R. Tolkien detalhista, objetivo e que possui uma visão clara a respeito daquilo que está fazendo.

Tem-se a impressão de que Tolkien esteve ao lado de Beowulf e seus homens quando chegaram de navio no litoral dinamarquês.

Essa edição conta ainda com o “Sellic Spell”, um belíssimo conto, que sugere quais estilos e formas um conto folclórico sobre Beowulf poderia ter tido.

9. A história de Kullervo

Conto mais sombrio e trágico de J.R.R. Tolkien

A história de Kullervo

  • Capa comum: 192 páginas
  • Editora: Martins Fontes; New edição (8 maio 2019)

Kullervo é um dos personagens mais peculiares de J.R.R. Tolkien, que foi chamado pelo autor de “infeliz Kullervo”.

Ele é filho de Kalervo, mas de acordo com a história é um menino órfão infeliz, mas que conta com poderes sobrenaturais que é direcionado a um trágico destino.

Seu pai foi morto e sua mãe foi sequestrada pelo mago sombrio Untamo, que então criou o menino. No entanto, ele também tentou matá-lo três vezes quando ainda era pequeno.

Diante disso, Kullervo se vê sozinho no mundo, mas ele ainda tem o amor da sua irmã gêmea Wanona e a proteção do cão negro Musti.

Mas então ele é vendido como escravo e jura que se vingará do poderoso mago. No entanto, mesmo com sede de vingança ele terá que lidar com o seu destino trágico.

Para os fãs dos livros de J.R.R. Tolkien, é importante saber que Kullervo é o ancestral de Túrin Turambar, herói trágico de Os filhos de Húrin.

10. As Aventuras de Tom Bombadil

Um livro indispensável para fãs de Senhor dos Anéis

As Aventuras de Tom Bombadil

  • Capa dura: 320 páginas
  • Editora: Martins Fontes; 1ª edição (1 agosto 2018)

Finalizamos a nossa seleção dos melhores livros de J.R.R. Tolkien com essa fantástica obra que conta a história de um dos personagens mais incríveis de “O Senhor dos Anéis”.

Tom Bombadil aparece aqui junto com outros personagens como Bilbo e Frodo Bolseiro que são retratados.

Além disso, esse livro traz várias outras aventuras e lendas e gracejos do Condado no fim da Terceira Era em forma de poema. Essa edição especificamente é expandida e traz alguns trechos inéditos.

Conclusão

J.R.R. Tolkien é, definitivamente, um dos escritores mais talentosos de todos os tempos. Isso se torna ainda mais evidente quando se fala em literatura fantástica.

As suas obras ganharam o mundo e conquistaram muitos leitores em todos os lugares os quais alcançaram.

Além disso, muitos dos melhores livros de J.R.R. Tolkien foram adaptados para o cinema, levando ao lançamento de filmes que foram sucesso de bilheteria. Inclusive, algumas dessas obras já foram listadas em nosso artigo dos melhores livros que viraram filmes.

Realmente vale a pena explorar as fantásticas histórias do autor. Agora que você já sabe quais são as melhores, pode escolher por onde deseja começar.

Sobre o Autor: Fernanda Campos de Medeiros

Bióloga mestre em biotecnologia e apaixonada pelas ciências médicas. Apesar da formação também ama ler e escrever sobre temas variados e por isso trabalha há mais de dois anos como redatora.

Deixe um comentário